sábado, 3 de novembro de 2012

Me escondendo


Tento me esconder mas nem sempre esta é uma boa opção
Nunca fui garota e me esconder dos problemas que aparecem toda hora na minha vida, mas não posso mentir que nunca quis abrir um buraco debaixo da terra e me esconder....
Geralmente tenho um pavio muito curto e acabo piorando a situação em vez de resolve-la ou de vez em quando eu apenas guardo para mim e me escondo(fanfiction e livros são meu refúgio).

Eu me escondo quando não vejo nenhuma outra solução a não ser me calar e deixar tudo como está. Covardia? É, eu sei que é. Mas não me venha falar que nunca aconteceu isso com você, que nunca teve um segredo que não iria revelar para ninguém ou que estava com um problema gigantesco só que como era grande demais você resolveu colocá-lo debaixo do tapete e esperar que todos esquecessem.
Faz um tempo que eu estava nessa fase de querer me esconder, querer me afastar de tudo e todos, querer apenas afundar nos meus livros e ficar lá para sempre. Acho que estava assim porque os meus problemas em casa só aumentavam cada vez mais e mais, as brigas com os meus pais eram cada vez mais fraquentes e eu não sabia o que fazer, então tentei me esconder da minha família, dos amigos, dos professores e de toda a minha vida social. Acho realmente que não deu muito certo porque todos começaram a me perguntar o que tinha acontecido e eu acabava forçando um sorriso e dizendo que não era nada. Pura e mera mentira!
O tempo foi se passando e minha mente, meu ser ia ficando cada vez mais sobrecarregado e eu já estava no meu limite. Cheguei a conclusão de que a minha escolha não tinha sido das melhores, mas agora era tarde, minha vida já estava um desastre completo. Então eu resolvi encarar os problemas e acabei conseguindo resolvê-los da melhor forma possível. No momento a minha vida está perfeita, sem nada de anormal ou um problema catastrófico. E por incrível que pareça isso me preocupa, afinal é a minha vida!



Um comentário :

  1. Devo dizer que adoro este seu texto?
    Serio mesmo!
    Já li e reli ele diversas vezes... Foi tão profundo, tão Mathê...
    Espero te encontrar de novo aqui no blog...
    Ei.. Cadê aquele texto "Será?"?????????

    http://luizaemseumundo.blogspot.com

    ResponderExcluir

Faça a alegria dessa escritora!
Poste um comentário, mas... tenho algumas regrinhas
*nada de xingamentos
*se for criticar, apenas críticas construtivas
*coloque o link do blog para eu poder te visitar
Arigato